MPs dos estados da Amazônia Legal firmarão acordo para combater o desmatamentoMPs dos estados da Amazônia Legal firmarão acordo para combater o desmatamento

0
80

Assinatura do acordo ocorre hoje, 12, às 16h, no edifício-sede do Ministério Público do Pará, em Belém

Nesta quarta-feira, 12, procuradores-gerais de Justiça que compõem os estados da Amazônia Legal assinam um Acordo de Resultados em Defesa da Amazônia para implantar mecanismos específicos, como forças-tarefas, grupos de atuação especial ou similares, para a prevenção e o combate ao desmatamento e às queimadas ilegais, em todos os Ministérios Públicos que integram a Amazônia Legal.

A assinatura do acordo ocorrerá durante reunião do trabalho dos Procuradores-Gerais de Justiça dos Ministérios Públicos dos Estados da Amazônia Legal que ocorre, às 16h, no edifício-sede do Ministério Público do Pará, em Belém.

A iniciativa de criação de grupos especializados de atuação nos Ministérios Públicos dos Estados que compõem a Amazônia Legal tem o propósito de fortalecer e contribuir para o desenvolvimento de ações estratégicas de competência do Ministério Público brasileiro no combate aos crimes e ações ilegais na região, de ações articuladas com os demais órgãos de defesa da Amazônia e do aprimoramento do diálogo entre as instituições, com a troca de experiências.

Segundo o acordo, o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), pretende contribuir para o fortalecimento da atuação dos grupos e forças-tarefas criados com o desenvolvimento de estratégias para maior integração com as forças-tarefas do Ministério Público Federal e a realização de oficinas de trabalho e capacitação, em parceria com instituições de ensino, com a Associação Brasileira dos Membros do Ministério Público de Meio Ambiente (Abrampa) e órgãos e instituições públicas de defesa do meio ambiente.

A reunião é promovida pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), por meio de sua Comissão do Meio Ambiente (CMA) que tem como atribuição o fortalecimento, a unidade e a integração do Ministério Público brasileiro na área de defesa do meio ambiente.

*Fonte: MPPA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui