Helicóptero furtado no sábado(18) em Santarém é apreendido em Roraima

0
163

A Polícia Civil de Roraima, por meio do Grupo de Resposta Imediata (GRI), em uma ação rápida, apreendeu na manhã de domingo, dia 19, no Distrito Industrial de Boa Vista, dois helicópteros BELL, modelo JET Ranger avaliados em aproximadamente R$ 1,5 milhão, furtados em Porto Belo (SC) e Santarém (PA).

De acordo com informações prestadas pelo Diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (DPJC), delegado de Polícia Marcos Lázaro F. Gomes, a comunicação do furto foi realizada ontem, dia 18, por telefone à Polícia Civil de Roraima, pelo advogado da empresa Icaraí Turismo Taxi Aéreo LTDA-EPP, com sede em Araucária (PR), informando que as aeronaves, que estão com a documentação e registros obrigatórios em dia, teriam sido furtadas, uma no último dia 16 no Hangar do Aeroporto de Porto Belo (SC) e outra no sábado, dia 18 no Hangar do Aeroporto de Santarém (PA) e entraram em Roraima sem os correspondentes planos de voos.

A vítima relatou ainda que tinha a informação de que as duas aeronaves iriam decolar na manhã deste domingo, dia 19, de Boa Vista com destino a áreas de garimpo ilegal em Roraima.

As investigações para localização das aeronaves foram conduzidas pelos policiais da Seção de Investigação e Operações do 5º Distrito Policial e a representação judicial foi formulada pela delegada de Polícia titular da Unidade Distrital, Cândida Magalhães Senhoras, local onde foram lavrados os procedimentos de Polícia Judiciária.

O mandado de busca e apreensão foi deferido pela Justiça e cumprido nas primeiras horas deste domingo, dia 19, em uma empresa no Distrito Industrial de Roraima, no sentido de apreender as aeronaves que estariam guardadas neste endereço.

Durante a operação ninguém foi preso. O cumprimento da ordem judicial ficou a cargo dos delegados de Polícia Emerson Freire e Clayton Ellwanger que comandaram a operação realizada para a apreensão das aeronaves, juntamente com policiais civis do GRI.

As aeronaves apreendidas foram encaminhadas ao Hangar do Governo do Estado de Roraima para conservação e se encontram à disposição da Justiça Criminal.

As investigações continuam para identificar os autores da ação delituosa com vista à conclusão do Inquérito Policial, instaurado no 5º Distrito Policial da Capital.

Fonte: RG 15 / O Impacto