Número de mortos em acidentes nas estradas federais paraenses triplicou neste final de ano

0
152

Nove pessoas morreram em acidentes nas estradas federais do Pará, número três vezes maior que no final de ano de 2018, segundo dados da Polícia Rodoviária ederal, que divulgou o balanço da operação nesta quinta-feira, 2.

No total houve 16 acidentes nas estradas federais, um a menos que o mesmo período de 2018. Foram fiscalizadas 5.992 pessoas com abordagens nas rodovias, número maior que na operação de final de ano de 2018 (5.555). Também foram fiscalizados nas abordagens 5.286 veículos.

Na operação de natal e ano novo, a PRF realizou 4.192 testes de alcoolemia em motoristas nas rodovias. Destes testes, 61 motoristas foram autuados em flagrante por dirigir com efeito de bebida alcoólica. 13 pessoas foram detidas por dirigirem embriagadas.

Outras 124 motoristas foram autuados por estarem dirigindo sem cinto de segurança ou conduzindo pessoas sem uso do cinto de segurança dos veículos. Também foram feitas 266 autuações pela PRF por ultrapassagens indevidas.

De acordo com informações da PRF, o período de festas de fim de ano foi marcado pelo aumento de pessoas circulando pelas rodovias federais paraenses em direção aos mais diversos destinos, como constatou o balanço da operação de final de ano, realizada entre os dias 21 de dezembro de 2019 até a quarta-feira, 1º de janeiro.

As operações de natal e ano novo tiveram como prioridades o combate à embriaguez ao volante, fiscalização de ultrapassagens proibidas e o uso do cinto de segurança, de acordo com informações da PRF.

As duas operações tiveram reforço de policiais nas rodovias federais, a fim de aumentar a fiscalização e a segurança nas estradas paraenses durante as festas de fim de ano e coibir as principais condutas de motoristas que são potenciais causadoras de acidentes graves.

Fonte: Secom/PRF