Período de baixa temporada revela tranquilidade na vila de Alter do Chão, no PA

0
1301
Ilha do Amor, em Alter do Chão, fica encoberta pela água no período de cheia — Foto: Geovane Brito/G1

Na época de cheia dos rios, os moradores da vila balneária de Alter do Chão, em Santarém, no oeste do Pará, têm que buscar outros meios para garantir a renda. No período de baixa temporada, quando as faixas de areia branquinha estão encobertas pela água, os turistas visitam menos a vila. Com menos movimento, Alter se revela um lugar tranquilo.

Para manter as despesas de casa, os empreendedores apostam na criatividade. Viviana Queiroz, é natural de Goiânia (GO), anos atrás chegou a vila e se apaixonou pelo lugar, hoje ela tem uma barraca de tapiocas. “Eu não pretendo mais sair daqui, eu morava em uma capital, muito agitada, quando cheguei me apaixonei pela praia, pelo sossego e pela paz. Por isso resolvi montar meu próprio negócio”, disse a microempreendedora.

Segundo o censo, atualmente residem na vila, cerca de 7 mil habitantes.

Fonte: G1/PA