Tapajós recebe o Remo no primeiro duelo do Parazão depois do Carnaval

0
720

Logo mais, às 20h, no estádio Colosso do Tapajós, em Santarém, o Remo dá início a sua trajetória no segundo turno do Parazão 2019. O adversário é daqueles considerados “cascudos”, apesar sa posição na tabela não ser muito favorável. A quinta colocação do adversário no grupo A-2 do Estadual não permite aos azulinos, líderes do grupo A-1, nenhum tipo de relaxamento.

Quando a bola rolar no Oeste do Pará, Leão e Boto prometem dedicação de sobra em busca do melhor returno possível. “Aqui não houve parada pra Carnaval. Sabemos que é um adversário difícil e que dificultou muito a nossa vida no primeiro turno. No returno, esperamos começar muito bem, dando uma resposta positiva ao nosso novo treinador”, declarou o volante Djalma, lembrando que o técnico Márcio Fernandes, recém contratado, comanda o Leão pela primeira vez no confronto de hoje.

Djalma lembra que cada duelo terá uma representatividade ímpar daqui até o final da fase de classificação do Parazão. “Todos os adversários querem ganhar do Remo e subir na tabela. Outra coisa importante a se dizer é que, geralmente, quando muda o técnico, nossa motivação muda um pouco. Infelizmente as coisas não andaram como queríamos com o Netão, mas seguiremos correndo atrás dos nossos objetivos nesse momento”, enfatizou o jogador que treinou na lateral-direita nas últimas movimentações do time.

Djalma lembra que, principalmente após o Remo ter sido goleado pelo rival no primeiro clássico da temporada, há todo um trabalho de reconquista da confiança do torcedor azulino. “Agora é convencer o nosso torcedor que estamos ganhando por merecimento. Com o São Raimundo, por exemplo, fizemos um jogo não tão bom quanto gostaríamos e vencemos por 3 a 0. Agora é manter o embalo”, finalizou o jogador que ainda não sabe se vai estar entre os titulares hoje à noite.

Fonte: RomaNews