“Dezoito barragens têm risco de dano social e ambiental no Pará”, afirma Helder

0
572

Foi solicitada a participação do MPE e MPF para ajudar nas fiscalizações.

"Dezoito barragens têm risco de dano social e ambiental no Pará", afirma Helder - Crédito: Diego Monteiro

No início da manhã desta segunda-feira (28), o grupo de trabalho criado pelo Governo do Estado para verificar e analisar a situação das barragens no Pará, recebeu a imprensa para explicar quais serão as primeiras medidas tomadas e como vai funcionar o plano de contingência.

Atualmente, de acordo com o cadastro do Departamento Nacional de Produção Mineral, o estado possui 66 barragens – duas delas consideradas de alto risco. As demais estão categorizadas como de baixo risco.

Participaram da coletiva o Governador Helder Barbalho; o Secretário da Secretaria do Estado de meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), Mauro Ó de Almeida; o Secretário da Sedeme, Iran Lima; e demais secretarias e entidades envolvidas.

Durante a coletiva, Helder solicitou a participação do Ministério Público do Estado e do Ministério Público Federal para ajudar nas fiscalizações. O objetivo das fiscalizações seria realizar um levantamento sobre as estruturas das barragens, sobretudo às que oferecem algum risco social; além de fazer um levantamento sobre os riscos de vida que elas podem causar e o que pode ser feito para a preservação das barragens.

Fonte: Roma News