PF realiza operação e desarticula associação criminosa de contrabando de cigarros no sudoeste do Pará

0
342
O grupo criminoso movimentava mensalmente cerca de R$ 250.000,00 na atividade criminosa — Foto: Reprodução/PF

Estão sendo cumpridos nove mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva nos municípios de Altamira e Vitória do Xingu

A Polícia Federal realiza na manhã desta quarta-feira (31), em Altamira e Vitória do Xingu, sudeste do Pará, a ‘Operação Alcatrão’, para desarticular a associação criminosa responsável pela a compra e distribuição de cigarros contrabandeados. Estão sendo cumpridos nove mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva nos municípios.

Segundo os policiais, o material vinha do Paraguai até Goiânia, e então era distribuído para o interior do Pará. De acordo com as investigações, a quadrilha responsável pelo contrabando movimentava R$ 250.000,00 na atividade criminosa, valor equivalente a 250 caixas de cigarros contrabandeados.

As investigações duraram cerca de oito meses, período em que a Polícia Federal de Altamira realizou três prisões em flagrante de contrabandistas locais, e levantou informações importantes que puderam elucidar todo o modus operandi da organização criminosa.

Os investigados devem responder pelos crimes de associação criminosa, contrabando e concussão.

Fonte: G1 Pará