Urnas eletrônicas estão prontas para a votação de amanhã

0
296

Urnas eletrônicas estão prontas para a votação de amanhã (Foto: Ricardo Amanajás/Diário do Pará)

As urnas que receberão os votos no segundo turno das Eleições 2018, que ocorre no próximo domingo (28), já começaram a sair para os locais de votação. Na última sexta-feira (26), 2.700 urnas foram encaminhadas para locais de votação de Belém, Ananindeua, Marituba e Benevides. Já na manhã de hoje (27), as outras 1.700 urnas restantes serão transportadas, totalizando 4.400 urnas para a área da Região Metropolitana de Belém (RMB).

Técnico judiciário da seção de logística do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PA), Ricardo Vieira explica que após o primeiro turno das eleições, as urnas da RMB retornaram para o depósito do TRE, localizado no conjunto Cidade Nova II, em Ananindeua. No local, para que estivessem prontas no novo pleito, os equipamentos receberam a chamada ‘mídia de transição’ que as converteram do 1º para o 2º turno, deixando habilitados apenas os candidatos que estão aptos à votação agora.

Segundo Ricardo, essa reprogramação é a que antecede o envio das máquinas aos locais de votação. “Ainda é feita uma nova sequência de testes na urna eletrônica e, se estiver tudo certo, a mesma é finalizada e é feita uma nova lacração do compartimento da memória de resultados”, explica.

Após chegarem aos locais de votação, as urnas ficarão armazenadas em uma sala reservada para espera da abertura das seções. Apenas amanhã elas serão ligadas novamente. “No domingo as urnas são instaladas no local. É uma instalação mais rápida, que consiste basicamente montar a urna, conectar na tomada e instalar a cabina”, explica Ricardo.

INTERIOR

No que diz respeito aos outros municípios, as urnas já se encontram nas zonas desde antes do primeiro turno. Nos municípios, serão utilizadas 17 mil urnas. “Temos duas etapas de transporte. Na primeira, que ocorreu em agosto, enviamos as urnas daqui do depósito, em Ananindeua, para as zonas que são no interior do Estado”, explica Ricardo Vieira. “Então desde agosto já ocorreu o envio prévio das urnas para o interior e a preparação das urnas ocorre lá mesmo nas zonas”.

Já a última fase do transporte ocorre ao final da votação. Preferencialmente, são recolhidos os kits de transmissão das urnas e levadas para o local de apuração. Já nas localidades em que há dificuldade de acesso e transporte, são instalados pontos de transmissão para que os dados de cada urna possam ser transmitidos para o local de apuração, em Belém. “Quando finalizamos todo esse processo, os equipamentos são encaminhados de volta para o depósito em Ananindeua para centralização e preparação para a próxima eleição”, finaliza o técnico judiciário.

21 mil 

Urnas serão utilizadas no segundo turno no Estado do Pará, sendo que 17 mil estão no interior do Estado e 4.400 são usadas na RMB.

Fonte: DOL