58 pessoas foram presas em flagrante, no interior do estado, por envolvimento com tráfico

0
334

58 pessoas foram presas em flagrante, no interior do estado, por envolvimento com tráfico -

A Polícia Civil deflagrou, nesta sexta-feira (28), a operação “Hígia” para combate a pontos de tráfico de entorpecentes nos municípios do interior do Pará. A ação policial foi iniciada nas primeiras horas do dia, de forma simultânea, pelas Superintendências Regionais de Polícia Civil que respondem por 13 Regiões Integradas de Segurança Pública (RISPs) no Estado.

As equipes policiais saíram em deslocamento até endereços apontados em investigações como locais de fomento de comércio de drogas ilegais nas cidades-sedes das regiões e nos municípios vinculados. A operação terminou por volta de 18 horas e resultou em 164 mandados judiciais cumpridos pelos policiais civis. Do total, foram 141 mandados de busca e apreensão domiciliar cumpridos pelas equipes policiais; 22 de prisão preventiva e um de apreensão de menor. No total, 58 pessoas foram presas em flagrante ou por mandado de prisão preventiva por tráfico de drogas. Destas pessoas presas, são 46 homens e 12 mulheres. Um adolescente foi apreendido em cumprimento a mandado judicial por ato infracional análogo a tráfico de entorpecentes. Uma arma de fogo ilegal foi tirada de circulação. Diversas quantidades de drogas foram apreendidas durante a operação.

Coordenada pela Diretoria de Polícia do Interior (DPI) da Polícia Civil, a operação é resultado de 30 dias de investigações realizadas pelas equipes policiais do interior do Estado. Conforme o titular da DPI, delegado Silvio Maués, as investigações levaram à decretação de mais de uma centena de ordens judiciais, entre mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva, para combate ao tráfico de drogas durante a operação na data de hoje. O nome da operação (Hígia) faz referência à deusa grega da saúde, da limpeza e da sanidade.

Fonte: Roma News