Marabá tem o maior desfile da história

0
477

Dezoito mil pessoas assistiram ao maior desfile cívico-militar de 7 de Setembro, em comemoração à Independência do Brasil, já organizado em Marabá, conforme dados da Polícia Militar. Outras 10 mil pessoas desfilaram, representando o tema “Protagonismo e Sustentabilidade”, seja por uma das 30 escolas, por entidades ou pelas instituições militares.

O desfile deste ano, realizado na Avenida Antônio Maia, na Marabá Pioneira, também foi o mais longo, tendo encerrado após o meio-dia. A participação maciça das escolas, inclusive, foi lembrada nas falas dos organizadores do evento. Nem mesmo o calor intenso que fez durante parte da manhã levou o público a arredar o pé do lugar.

No ano passado, muitas escolas municipais boicotaram as comemorações da Independência em Marabá pela tensão que houve entre professores e prefeitura na época, principalmente por questões salariais.

Luciano Lopes Dias, secretário municipal de Educação, deu “graças à Deus” por este ano todas as escolas terem se disposto a participar. “Participação maciça da sociedade e das escolas. Quero aproveitar a oportunidade e agradecer muito às pessoas que estão trabalhando, pessoal da Semed, professores, alunos que se dispuseram ao longo desses meses de organização se preparar para estarem prontos hoje na avenida, para mostrar para a comunidade de Marabá o quanto a educação de Marabá é protagonista”, afirmou.

Ele acrescentou ser importante cultivar o sentimento de patriotismo nas escolas, assim como na população brasileira. “Nossas crianças devem nutrir maior amor pela pátria”. Em respeito ao tema, as principais abordagens feitas pelas escolas foram acerca do consumo consciente dos mananciais de águas e da importância de uma alternativa à energia elétrica, ressaltando a importância de se valorizar a produção de energia solar.

Data festiva

Para o general de Brigada Engênio Pacelli, comandante da 23ª Brigada de Infantaria de Selva, o 7 de Setembro, que marca a independência do país, é uma data festiva, de civismo e de patriotismo.

“Nós, civis e militares, nos reunimos para comemorar nossa liberdade e poder dizer ao povo brasileiro da nossa alegria de podermos estar vivendo este momento aqui na democracia, sendo prestigiado pelas nossas escolas, pelo segmento militar de Marabá e pela população marabaense que, surpreendentemente lota essa avenida, nos dando a satisfação de vibrarmos com esse patriotismo tão necessário para o nosso país”, comentou.

O comandante ressalta ser satisfatório à instituição poder demonstrar na avenida os soldados, equipamentos, armamentos e viaturas. “Tradicionalmente é um atrativo grande e há a beleza também da apresentação das escolas e das agremiações que enriquecem o evento como um todo”.

Para o prefeito de Marabá, Sebastião Miranda, a participação da comunidade no evento se deve à elevação da autoestima da população. “Ela quer participar dos eventos e há uma participação maciça das escolas. É um desfile bonito, junto das escolas, do Exército, uma festa bonita, a festa da independência. É um dia para a gente reverenciar a nossa pátria, acho que a gente precisa aprender a amar onde a gente nasceu, onde a gente vive”.

O gestor municipal falou, ainda, acerca do tema defendido pelas entidades participantes. “Hoje é um dia de suma importância principalmente pelas crianças participarem, o tema é meio-ambiente, um tema importante, falar das águas, das florestas, e acho que precisamos cada vez fazer um desfile melhor. Este ano está muito melhor que ano passado porque teve participação maciça das escolas e da população”.

(Luciana Marschall com informações de Evangelista Rocha)

Fonte: Correio dos Carajás