Governo garante em Brasília conclusão de obras que vão melhorar infraestrutura de transporte

0
317

A conclusão de obras importantes para o Estado do Pará foi discutida na tarde desta quarta-feira (20), pelo governador do Pará, Helder Barbalho, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, e o secretário de Estado de Transportes, Pádua Andrade, em Brasília (DF). O ministro sinalizou a retomada da obra de duplicação da Rodovia BR-316, que tem 45 quilômetros no projeto original, e deve ser readequada para entrar no calendário de obras previstas para 2020.

Essencial para melhorar a mobilidade na principal via de acesso a Belém, a capital paraense, o projeto de duplicação da rodovia está paralisado. “A agenda foi de extrema importância para o nosso Estado, pois tratou de obras que estavam paralisadas e obras que dependiam do governo federal, como a duplicação da BR, e outras que devem prosseguir”, informou o secretário de Estado de Transportes, Pádua Andrade. A duplicação da BR-316 requer um investimento de R$ 92 milhões.

O ministro Tarcísio Gomes também anunciou obras de infraestrutura na BR-163 (Santarém-Cuiabá), no oeste do Pará, no trecho que fica no município de Itaituba, próximo ao Porto de Miritituba. A conclusão está prevista para o segundo trimestre de 2020. Já as obras paralisadas da BR-308, no nordeste do Pará, serão retomadas, com um investimento superior a R$ 10 milhões.

Derrocamento – Ainda na reunião em Brasília foi discutido o derrocamento do Pedral do Lourenço, obra que devolverá a plena navegabilidade do Rio Tocantins, melhorando a logística no transporte de cargas por via fluvial. Segundo Pádua Andrade, a obra representa um grande avanço para a infraestrutura de transporte no Pará. “Nós estamos com o licenciamento ambiental totalmente atendido pelo Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). O projeto básico está concluído e o projeto executivo será finalizado. No entanto, o Ibama nos pediu mais uma exigência, e o ministro deve fazer uma gestão mais próxima para que as obras possam iniciar no ano que vem”, informou o secretário.

O ministro se comprometeu a acelerar, com o Ibama, a liberação da obra de derrocamento, para que possa ser iniciada ainda no primeiro trimestre de 2020, pois é uma das prioridades do governo federal.

O governador Helder Barbalho ressaltou a importância estratégica das obras nas rodoviasFoto: JAILSON SAM / DIVULGAÇÃOEm dezembro, um trecho de 12 quilômetros da BR-230 (Transamazônica), que liga o Pará ao Estado do Tocantins, será inaugurado. A obra começou em 2003, mas ficou paralisada durante vários anos, apesar de ser um trecho importante para a malha rodoviária do Pará.

Ao final da reunião, o ministro da Infraestrutura anunciou a assinatura de um termo de ajuste com o Governo do Estado, repassando a administração da área do Aeroclube do Pará.