MPF acredita que extração ilegal de ouro continua

0
637

O MPF instaurou inquérito para “apurar como se dá a compra e venda de ouro extraído irregularmente na região de Itaituba e Jacareacanga, no que toca a procedência e destinação dos minérios, bem como os procedimentos de cautelas adotados, durante a aquisição do minério, pelas compradoras de ouro e Distribuidoras de Títulos Mobiliários em atividade na região”. O órgão ministerial irá realizar diligências para realizar o levantamento, como subsídios para novas ações judiciais.

Fonte: MPF