Procon promove acordo com COSANPA para negociar dívidas de moradores em Itaituba

0
626

Benefício abrange toda a comunidade e não somente aqueles que procuraram o Órgão; Algumas cobranças chegaram a ultrapassar 10 mil reais.

Devido as diversas reclamações realizadas por pessoas que utilizam os serviços da COSANPA, o Procon de Itaituba conseguiu fazer acordo beneficiando todos os moradores. O órgão registrou mais de 100 reclamações somente neste ano. O acordo foi realizado semana passada, com o jurídico e diretoria da Cosanpa de Belém junto com a Coordenadora do Procon.

Segundo o que relatou a coordenadora do Procon de Itaituba, Aline Braga, os usuários dos serviços prestados pela empresa procuraram o Procon para reclamar dos valores abusivos que estariam sendo cobrados por conta do atraso de pagamentos. Algumas cobranças chegaram a ultrapassar R$10.000,00.

Por isso, o Procon procurou a empresa para negociar as dívidas dos clientes e tentar acordo, a mesma apresentou-se irredutível, apesar de estar ciente de que os valores eram muito altos e injustos, baseando-se no Código de Defesa do Consumidor (CDC). De acordo com Aline, foi inciada uma tratativa para acordo com a COSANPA visando o cumprimento da Lei, que foi alcançado, após muitas audiências.

Dessa forma, ficou tratado que os usuários que possuem o ramal, mas não utilizam a água cedida pela COSANPA por utilizarem abastecimento alternativo, será aberta uma ordem de serviço e se constatada a não utilização dos serviços oferecidos serão cancelados os débitos e caso o usuário queira utilizar é preciso realizar a solicitação para ligação diretamente no escritório da empresa.

“Para os usuários que utilizam o serviço, será realizado o cancelamento do débito até dezembro de 2017, e a partir de janeiro de 2018 até julho de 2019 será negociado, o consumidor poderá optar pelo parcelamento sem juros em até 60 vezes, com entrada de 10% do valor”, afirmou a coordenadora.

Aline acrescentou que se o cliente desejar realizar o cancelamento ou parcelamento é preciso que procurem o escritório da COSANPA em Itaituba. Caso surja alguma dúvida os consumidores poderão ir até o Procon, onde serão devidamente orientados.

Além disso, o benefício alcançado pelo acordo abrange toda a comunidade e não somente aqueles que procuraram o Órgão, inclusive aqueles que estiveram em audiência no Procon e não alcançaram êxito. Contudo, é preciso que procurem o escritório da empresa ou Procon, uma vez que os cancelamentos ou parcelamentos não serão realizados automaticamente.

Fonte: Portal Giro